Pages

Subscribe:

RÁDIO WEB EM DOSE DUPLA

RÁDIO WEB EM DOSE DUPLA
Tocando o Sucesso de Sempre

JOLUSI AM (Rádio web) 2017

A rádio web JOLUSI AM também está nesse endereço. Agora com áudio e video. Clique no PLAY para ouvir a música.

quinta-feira, 31 de outubro de 2013

Sair com os amigos duas vezes por semana faz bem à saúde do homem, diz pesquisador

Fonte: tribunadabahia.com.br
Fotos: 4.bp.blogspot.com / r.123rf.com
Edição: Jorge Luiz da Silva
Salvador, BA (da redação Itinerante do Blog MUSIBOL)


O ideal é sair com não mais do que quatro pessoas, segundo pesquisa

Uma pesquisa divulgada esta semana no Reino Unido aponta que sair com os amigos pelo menos duas vezes por semana pode trazer grandes benefícios para a saúde e bem-estar dos homens.

O estudo indica ainda que atividades como jogar futebol e sair para beber em grupo deixam o homem mais saudável e com capacidade para se recuperar mais rapidamente de doenças.


O professor da Universidade de Oxford e autor da pesquisa, Robin Dunbar, informou ao site Daily Mail que o importante é manter contato cara a cara e não via telefone ou internet.

A quantidade de amigos próximos também faz diferença.
O ideal é se encontrar com não mais do que quatro pessoas, já que grupos grandes podem causar inibição.

Presidente Dilma Rousseff volta a Salvador para inaugurar Via Expressa

Por: Lilian Machado. Fonte: tribunadabahia.com.br
Edição: Jorge Luiz da Silva
Salvador, BA (da redação Itinerante do Blog MUSIBOL)

 Foto: Adenilson Nunes/GOVBA

Quinze dias após assinar em Salvador o contrato com o Grupo CCR, responsável pela construção e operação por 30 anos do sistema do metrô de Salvador e Lauro de Freitas, a presidente Dilma Rousseff (PT) desembarca nesta sexta-feira em solo baiano para inaugurar outra obra de mobilidade urbana: a Via Expressa Baía de Todos-os-Santos.

A chefe do Executivo nacional vai batizar, ao lado do governador Jaques Wagner (PT), a intervenção viária, considerada pelo governo petista como a maior dos últimos 30 anos na capital baiana. O evento será às 10h. A Via Expressa deve reduzir em 3,2 quilômetros o trajeto da BR-324 ao Porto de Salvador, com pelo menos seis rotas alternativas que vão facilitar a vida de quem transita pela região.

A mobilidade urbana tem sido uma das apostas do governo na corrida para reeleger a presidente e para a manutenção da força nos estados governados pelo PT, a exemplo da Bahia. Em sua última passagem por Salvador, Dilma anunciou a implantação do Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) na região do Comércio, Paripe e Calçada, além de corredores de BRT entre Águas Claras – Paripe e Estação da Lapa e Iguatemi. Ela chegou a afirmar que os investimentos na capital baiana demonstravam o “tratamento” do seu governo com a mobilidade urbana no País e atribuiu a lacuna do passado para o “caos” atual nas grandes cidades brasileiras.

Foto: Divulgação

A Via Expressa, obra que, segundo informações, já deveria ter sido inaugurada, passa por Água de Meninos, Ladeira do Canto da Cruz, Estrada da Rainha, Largo Dois Leões, Avenida Heitor Dias, Rótula do Abacaxi, Ladeira do Cabula e Acesso Norte. São dez faixas de tráfego – seis para tráfego urbano e quatro exclusivas para veículos de carga –, três túneis, 14 elevados, duas passarelas, além de ciclovia, pista de rolamento e passeios. A obra, executada pela Companhia de Desenvolvimento Urbano do Estado da Bahia (Conder), é um investimento de R$ 480 milhões, parceria dos governos federal e estadual, e considerada uma das principais intervenções do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC).

Vídeo explica como utilizar a Via Expressa; assista
Fonte: Ibahia


A intervenção viária será inaugurada na sexta-feira (1), às 10h

Um vídeo divulgado nesta quinta-feira (31) pela Secretaria de Desenvolvimento Urbano (Sedur), explica como o motorista pode utilizar os diferentes acessos da Via Expressa Baía de Todos os Santos. A intervenção viária será inaugurada na sexta-feira (1), às 10h.

Além do vídeo, um mapa interativo também está disponível online. Nele, os cidadãos podem fazer um passeio virtual na intervenção viária, além de obter informações sobre a via. Confira o vídeo e entenda como usar a Via Expressa:

Via Expressa Baía de Todos os Santos




Novidades, despedidas e estreias: verão promete fortes emoções para os artistas baianos

Fonte e fotos: Ibahia
Edição: Jorge Luiz da Silva
Salvador, BA (da redação Itinerante do Blog MUSIBOL)


Despedida de Bell Marques do Chiclete com Banana e possível saída
 de Léo Santana do Parangolé prometem marcar a estação

O verão só começa oficialmente em dezembro, mas os ensaios, shows e novos projetos dos artistas baianos já estão a todo vapor. Este ano uma das estações mais esperadas deve trazer com ela despedidas, novidades e estreias de estrelas do axé. Mas, como a folia momesca do próximo ano só deve acontecer entre o final de fevereiro e o início de março, o que prolonga ainda mais a estação, muitos ensaios ainda não têm data nem local definidos.

No entanto, os principais artistas baianos já estão com os projetos bem encaminhados. É o caso da cantora Ivete Sangalo, que desde o início de 2013 prepara um dos eventos mais aguardados do ano: a gravação do DVD comemorativo de sua carreira. Já para o Carnaval de 2014, os foliões podem presenciar a despedida dos cantores Léo Santana, do Parangolé, e Alinne Rosa, do Cheiro de Amor. Confira essas e outras novidades dos artistas baianos para este verão:

Chiclete com Banana

Os chicleteiros de plantão estarão em peso na Avenida no próximo ano para acompanhar a despedida do cantor Bell Marques. O último Carnaval do músico no comando do Chiclete promete ser cercada de emoção e novidades. Com a saída do músico, o grupo de axé passa a ser liderado pelo cantor Rafa Chaves, ex-vocalista do Via Circular. Enquanto o grande dia não chega, Bell continua se apresentando com o Chiclete. Novidades sobre a carreira solo do cantor devem surgir após a folia. Bell também deve puxar um bloco sem cordas já na madrugada da quarta-feira de Cinzas, em 2014.

Léo Santana & Parangolé

Assim como Alinne e Bell, o cantor Léo Santana também deve dar novos rumos na carreira e pode deixar o Parangolé no ano que vem. A folia de 2014 pode ser a última do cantor com a banda. A ideia é que o artista anuncie sua saída do grupo de pagode ainda em cima do trio elétrico. Quanto aos projetos, ainda à frente da banda, Léo vai comandar os ensaios de verão, mas o local e as datas ainda não estão definidos. Há negociações também para que o músico anime um camarote fechado durante o Carnaval.

Cheiro de Amor

Mas não é Bell Marques o único que deve deixar sua banda neste verão. A cantora Alinne Rosa também pode seguir carreira solo após a folia momesca. Mas, diferente do músico, a artista insiste em não confirmar a informação e já afirmou que vai puxar mais um ano o bloco no Campo Grande, assim como o Yes no circuito Barra-Ondina. Com a saída de Alinne, ainda é incerto o futuro do Cheiro de Amor. Alguns nomes para a substituta já foram cogitados, entre eles Virna Calmon, da Axerife.

Saulo Fernandes

O verão vem com tudo para o cantor Saulo Fernandes. Em 2014 é a estreia do músico no Carnaval já em carreira solo. O artista vai desfilar um dia no bloco Coruja e dois dias no Cerveja & Cia. Além disso, Saulo lança no próximo dia 12 o mais novo DVD, que foi gravado em abril na Concha Acústica do Teatro Castro Alves. Com o lançamento desse projeto, o cantor pretende lançar novidades em breve para os fãs.

Jammil

O Carnaval de 2014, por sinal, vai ser marcante para o vocalista do Jammil Levi Lima. O motivo? O cantor vai comandar a folia sozinho à frente do grupo, já que o músico Manno Góis deixou a banda para dar seguimento à carreira empresarial. Antes do Carnaval, o grupo já está à todo vapor com os ensaios da Noite Praieira e deve continuar as apresentações com a presença de artistas, como convidados especiais. 

Banda Eva

Por falar em Saulo, o substituto do cantor na Banda Eva, Felipe Pezzoni, estreia na folia momesca de 2014 à frente de um dos blocos mais tradicionais da Avenida, no domingo e segunda de Carnaval. A famosa Pipoca do Eva também vai desfilar na terça-feira de festa. E não é só isso. Para o verão baiano, Pezzoni prepara um show especial para lançar o novo CD, o primeiro sob o comando do Eva. Há possibilidade também do retorno de um dos ensaios de verão mais badalados da capital baiana, o Eva Convida.

Ivete Sangalo

A grande aposta de Ivete para o verão deste ano é a gravação do DVD comemorativo dos seus 20 anos de carreira. As filmagens vão acontecer no dia 14 de dezembro, na Arena Fonte Nova, em Salvador. O evento, por sinal, já tem confirmado a presença de Saulo, Bell Marques, Alexandre Carlo, do Natiruts, e Alexandre Pires. Para o Carnaval de 2014, Veveta segue à frente dos tradicionais blocos Coruja e Cerveja & Cia. Outra novidade é que a morena vai fazer um show exclusivo no camarote Cerveja & Cia na quinta-feira de folia.

Claudia Leitte

O verão da cantora Claudia Leitte na Bahia segue incerto. A loira já fez questão de confirmar presença na folia momesca com o bloco Largadinho, mas os abadás ainda não começaram a ser vendidos. E não é só isso. O empresário de Claudinha, Fábio Neves, também já confirmou o hotel e o camarote temático da cantora, mas não revelou o local escolhido, assim como o retorno dela para o circuito do Campo Grande. Vale lembrar que há boatos de que Claudia pode puxar um dia do bloco Crocodilo, da cantora Daniela Mercury. Mas há rumores também que a rainha do axé, na verdade, vai ceder um ou dois dias do bloco para que a loira coloque o Largadinho no circuito Barra-Ondina.

Mantega nega reajuste, mas diz que metodologia é "coisa séria" e tranquiliza mercado

Fonte: infomoney.com.br
Fotos: blu.stb.s-msn.com / infomoney
Edição: Jorge Luiz da Silva
Salvador, BA (da redação itinerante do Blog MUSIBOL)


Guido Mantega, Ministro da Fazenda e presidente do conselho de administração da Petrobras (PETR3; PETR4), estaria indisposto com a metodologia de reajuste proposta pela companhia, afirmou nesta quarta-feira (30) que não há data prevista para o reajuste de gasolina e diesel.

De acordo com ele, isso não ocorrerá automaticamente no dia 22 de novembro, quando o conselho da Petro decidirá definitivamente sobre a metodologia. A companhia já teve uma metodologia de reajuste, durante o governo de Fernando Henrique Cardoso - mas a criação da Cide (Contribuições de Intervenção no Domínio Econômico) fez com que os preços se tornassem livres.

Para o ministro, a metodologia é "coisa séria" e não deverá ser apresentada antes de ser concluída. Isso tranquilizou um pouco o mercado, que acreditava que Mantega estava sendo refratário à essa nova metodologia. Com isso, as ações que chegaram a operar em forte queda viraram para alta. Os papéis ordinários apresentam ganhos de 0,11% por volta das 14h05 (horário de Brasília), aos R$ 18,84, enquanto os preferenciais tem alta de 0,20%, aos R$ 19,74.

De acordo com o jornal Folha de S. Paulo, a definição de uma fórmula de reajuste da gasolina e do diesel para reforçar o caixa da Petrobras causou desconforto entre a companhia e o ministro. A Petrobras, na avaliação de assessores presidenciais, teria pressionado publicamente o governo para aprovar a proposta de reajuste o quanto antes, quando ainda não havia autorização final para o modelo sugerido pela diretoria da companhia.

Além disso, o ministério da fazenda considerou inapropriada a forma como a Petrobras colocou o tema na ata de sua última reunião, registrando que a companhia havia aprovado uma fórmula de reajuste automático para gasolina e diesel.

A informação acabou sendo repassada ao mercado por meio de fato relevante, com a estatal divulgando que a diretoria-executiva deliberou sobre uma metodologia de precificação da companhia, com o prazo de 22 de novembro para sua consideração. De acordo com o governo, não havia motivos para divulgar oficialmente ao mercado a proposta que ainda não estava finalizada e sujeita a ajustes.

quarta-feira, 30 de outubro de 2013

Deborah Secco deixa filme sobre a banda Calypso; diretor diz que não foi comunicado

Fonte: CARAS Online
Edição: Jorge Luiz da Silva.
Salvador, BA (da redação itinerante do Blog MUSIBOL)

Foto: Deborah Secco deixa filme sobre banda Calypso.
Crédito: Divulgação/Marcos Proença e Fabio Miranda

A atriz Deborah Secco deixou o filme sobre a banda Calypso, no qual interpretaria a cantora Joelma.
As gravações estavam previstas para este ano, mas houve atraso na produção e ficaram para o próximo ano. "Ela já tinha compromissos assumidos para 2014 e não tem como conciliar a agenda", disse a assessoria de imprensa da atriz.

Procurado, o diretor do filme Isto é Calypso disse que ainda não foi comunicado sobre a saída da atriz. "O agente dela não me falou, não sei se ela continua, não fui comunicado oficialmente", disse Caco Souza.

Segundo ele, o atraso no filme se deve a dificuldades na captação de recursos - o filme está autorizado a captar R$ 10 milhões. "Estamos atrás de patrocínio. Assim que tiver o dinheiro na mão a gente filma", explicou. "O problema de fazer longa no Brasil é isso, não depende só do nosso desejo, depende de financiamento. Não está na mão da gente, está na mão de empresas. Estamos aguardando. Tem uma série de coisas em andamento", continuou. "É muito comum ver filme nacional atrasar, não é o primeiro e nem será o último", lamenta.

O diretor Caco Souza. Foto: Fabio Miranda

Caco diz ainda que a participação de Thiago Martins, cotado para ser Chimbinha, também vai depender da agenda do ator quando forem definidas datas para filmagens. Bruno Gagliasso chegou a ser anunciado como o protagonista do filme Isto é Calypso, mas deixou a produção também por falta de agenda.

Paolla Oliveira é eleita pela revista 'VIP', a mulher mais sexy do mundo

Fonte: Famosidades
Edição: Jorge Luiz da Silva. Fotos: Revista Vip e gironatela.com
Salvador, BA (da redação itinerante do Blog MUSIBOL)


Ser a mocinha da novela da 21h da Globo ajudou Paolla Oliveira. Tanto que a bela foi eleita a Mulher Mais Sexy do Mundo em 2013, em escolha realizada pelos leitores da revista 'Vip'.

Aos 31 anos, a Paloma de 'Amor à Vida' venceu pela primeira vez a eleição.
Em 2012 ficou em 50º lugar.

Em 2012, a sensualidade de Juliana Paes sobressaiu de novo e, pela terceira vez, ela foi eleita a mulher mais sexy do mundo pela revista 'VIP'. A magia em torno da personagem 'Gabriela' teve papel fundamental na hora de coroar o tricampeonato da morena no ranking. Juliana já havia liderado a lista das 100 mulheres mais sexy nos anos de 2006 e 2007.

Em 2011, o posto ficou com Deborah Secco. A atriz assumiu o posto por conta do furacão Natalie Lamour, sua personagem em 'Insensato Coração'. O mais próximo do topo que Deborah havia chegado foi em 2008 quando ocupou a terceira posição.

Em 2010, a loira Juju Salimeni desbancou concorrentes de peso como a apresentadora Ana Hickmann, a atriz Cleo Pires e a internacional Angelina Jolie. Na época, Juju era uma das 'Panicats' mais desejadas pelos 'cuecas de plantão'.

Em 2009, Grazi Massafera foi a primeira da lista. A loira venceu a disputa com Juliana que ficou em segundo lugar.

Em 2008, a super top model Gisele Budchen deixou dezenas de gostosas para trás e liderou o ranking com suas poucas curvas.

Em 2005, a mulher de Brad Pitt deixou nosso time de brasileiras no chinelo e assumiu a preferência masculina. Na época, ela tinha acabado de estrelar o longa 'Sr. e Sra. Smith' e mostrou porque havia sido pivô do fim do casamento do loiro com Jennifer Aniston.

Aos 31 anos, a Paloma de 'Amor à Vida' venceu pela primeira vez a eleição.

Em 2004, Alinne Moraes foi a primeira colocada. Na época, a atriz estrelava sua primeira novela 'Como Uma Onda' e era namorada do ator Cauã Reymond.

Em 2003, Daniela Cicarelli conquistou os homens com seu bocão e bateu nomes como Fernanda Lima e Jennifer Lopez.

Em 2002, Ellen Roche chamou a atenção dos homens durante sua participação na segunda edição da 'Casa dos Artistas' e deixou para trás concorrentes ícones de uma geração como Suzana Alves, a Tiazinha; Joana Prado, a Feiticeira e Sheilla Mello, a loira do Tchan.

Em 1999, 2000 e 2001, Scheila Carvalho dominou o posto. Por conta das três vitórias consecutivas, a direção da revista considerou a então 'Morena do Tchan' hors concours. Desde então, ela não pode mais participar da lista para dar oportunidade a outras candidatas.

Em 1998, Luana Piovani estreou o ranking promovido pela publicação em primeiro lugar.
A atriz já realizou alguns ensaios sensuais para a revista, mas nunca posou nua.

Deputados aprovam obrigatoriedade do teste da linguinha nas maternidades

Por: Carolina Gonçalves. Fonte: Agência Brasil
Fotos: tiodentista.com.br/ doutissima.com.br / 1.bp.blogspot.com
Edição: Jorge Luiz da Silva
Salvador, BA (da redação Itinerante do Blog MUSIBOL)


A obrigatoriedade de os hospitais e maternidades fazerem o “teste da linguinha” para conferir se a criança tem a chamada língua presa depende agora da decisão de senadores. Deputados da Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ) da Câmara aprovaram há pouco a proposta de lei que torna o procedimento obrigatório.

O teste avalia o frênulo ou membrana da língua de bebês e recém-nascidos para verificar se existe qualquer problema, como um encurtamento, que possa dificultar a amamentação ou, posteriormente, a fala. O autor da proposta, deputado Onofre Santo Agostini (PSD-SC), explicou que o diagnóstico dessas alterações pode evitar consequências mais graves no desenvolvimento das crianças.

“O frênulo é uma pequena prega de membrana mucosa que conecta a língua ao assoalho da boca e que possibilita ou [em caso de problema] interfere na livre movimentação da língua dos bebês, causando o desmame precoce e baixo ganho de peso, comprometendo, dessa forma, o desenvolvimento dos bebês”, justificou.

Agostini lembrou que o comprometimento da movimentação da língua e das funções orais afetam a deglutição e podem prejudicar, depois, a mastigação e a fala.


O projeto original (PL 4.832/12),apresentado em 2012, foi apensado a outra proposta (PL 5.146/13), do deputado Ricardo Izar (PSD-SP), e foi transformado em substitutivo na Comissão de Seguridade Social e Família. Mas, em todos os textos, os autores defenderam que a obrigatoriedade do teste é um avanço, por abrir possibilidade de se detectar alguns problemas.

A relatora na Comissão de Seguridade, deputada Nilda Gondim (PMDB-PB), retirou do texto a obrigatoriedade de o SUS oferecer a cirurgia para correção do problema. Para ela,  o serviço não precisa ser obrigatório no serviço público.


O relator da proposta na CCJ, deputado Heuler Cruvinel (PSD-GO), acatou todas as posições e conseguiu a aprovação do colegiado. A matéria segue para a análise do Senado, caso não seja apresentado recurso para que a proposta seja discutida em plenário.

Passagens aéreas subiram mais de 130% acima da inflação nos últimos anos

Por: Sabrina Craide. Fonte: Agência Brasil
Foto: dci.com.br / aeroportoemguarulhos.com.br
Edição: Jorge Luiz da Silva
Salvador, BA (da redação Itinerante do Blog MUSIBOL)


O preço das passagens aéreas no Brasil aumentou 131,5% acima da inflação desde 2005, conforme dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). A informação será apresentada pelo presidente do Instituto Brasileiro de Turismo (Embratur), Flávio Dino, na reunião marcada para amanhã (31) entre o governo e representantes das companhias aéreas.

O objetivo do encontro é tentar convencer as empresas de que os preços cobrados no país são altos demais. “Espero que eles colaborem, que haja uma compreensão de que se deve explorar o turismo, não os turistas”, disse Dino à Agência Brasil. 

Segundo ele, o desequilíbrio entre demanda e oferta e o aquecimento do mercado faz com que haja práticas comerciais abusivas - que ficam mais evidentes no caso das festas de fim de ano e agora da Copa do Mundo do ano que vem -, sendo verificados aumentos de até 1.000% no preço das passagens. “Não temos nenhum fator econômico objetivo no que se refere a custo ou tributação que justifique esse aumento, que é obviamente abusivo”, acrescentou.


As quatro empresas que operam no Brasil – TAM, Gol, Azul e Avianca – vão participar da reunião de amanhã, além de representantes da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), da Secretaria de Aviação Civil e do Ministério da Justiça. Segundo Dino, se as empresas não atenderem ao “chamado do bom-senso”, é possível que haja mudanças na regulação do setor, inclusive acabando com a chamada liberdade tarifária. “A liberdade tarifária não é um dogma, pode ser revista a qualquer tempo. Esse seria um caminho, voltar a praticar uma administração de preços como já foi feito no passado”, explicou.

Outra medida para reduzir o preço das passagens no país é ampliar a oferta mediante a abertura do mercado para empresas estrangeiras fazerem voos domésticos no Brasil. “Se as empresas atuais não conseguirem ter práticas adequadas e oferecer bons serviços a preços justos, o mercado brasileiro é altamente atrativo para outras empresas”. Segundo ele, não é válido o argumento de que essa ação levaria a uma desnacionalização do setor, porque as empresas atuais também já não são totalmente nacionais. Para essa mudança, seria preciso alterar o Código Brasileiro Aeronáutico.


Os preços da hotelaria também estão na mira da Embratur. Segundo o ranking que será apresentado na reunião, o Rio de Janeiro aparece em quarto lugar nas tarifas de lazer, com diária média de US$ 210, atrás apenas de Miami, Punta Cana e Nova York. “Aí junta passagem aérea, que muitas vezes também é mais barata. É por isso que o cidadão de classe média prefere viajar para o México, para Montevideu, por isso que os voos internacionais estão abarrotados de brasileiros”. 

Para a Copa do Mundo, Dino defende que a Fifa e a Match, empresa suíça escolhida para intermediar as vendas de pacotes de turismo para a Copa, liberem os quartos que já foram adquiridos nas cidades-sede para que a oferta aumente e os preços sejam reduzidos. “Constatamos que, além de eles terem o monopólio, colocaram uma taxa de intermediação de 40% sobre o valor que estão pagando, que é abusivo. Se não rompermos esse monopólio, temos uma oferta muito diminuta no mercado”, disse.

Agricultores do Semiárido garantem fertilidade do solo com manejo ecológico

Por: Luciano Nascimento. Fonte e fotos: Agência Brasil
Edição: Jorge Luiz da Silva
Salvador, BA (da redação Itinerante do Blog MUSIBOL)


Experiências de manejo agroecológico promovidas por famílias paraibanas das regiões da Borborema, do Cariri e do Curimataú foram apresentadas hoje (29) aos cerca de 300 participantes do 3º Encontro Nacional de Agricultoras e Agricultores Experimentadores do Semiárido.

O manejo consiste no plantio consorciado de árvores frutíferas, grãos, tubérculos, plantas medicinais, espécies forrageiras usadas para a alimentação de animais e árvores nativas do Semiárido, como angico, sabiá e camunzé, entre outras. O sistema regenera a fertilidade natural do solo e aumenta a contenção e acumulação de água, elemento fundamental em uma região com períodos de seca prolongados.


Com a prática, os agricultores do Semiárido estão conseguindo aliar sustentabilidade ambiental e geração de renda, possibilitando uma renda adicional às famílias e reduzindo os riscos de entressafras e anos ruins.

Uma das experiências relatadas no encontro é desenvolvida por José Domingos de Barros, 59 anos, o seu Loro. Nascido no município de Massaranduba, no agreste paraibano, ele tem há 30 anos uma propriedade com três hectares. No local, durante muito tempo, ele desenvolvia um cultivo tradicional, sem preocupação em manter a biodiversidade e a mata nativa.

Nessa época, ele ocupava seu terreno com plantações de mandioca, milho, fava, batata-doce e feijão, até que uma seca severa fez com que ele tivesse que rever a forma de plantio.

"Desmatei muito, meu pai desmatava, a gente desmatava e não replantava. Com o passar do tempo, foi acabando tudo e eu me perguntava como minha família ia sobreviver”, relatou.

A prática do plantio agroecológico começou há dez anos, após seu Loro participar de uma visita de intercâmbio promovida pelo Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Massaranduba, com agricultores da região que utilizavam este tipo de plantio. "Eu até dizia que a terra estava com anemia braba. Com o passar do tempo, fiquei pensando o que fazer com a terra, porque ela estava precisando de mim".

A recuperação do terreno começou com a plantação de espécies adaptadas, como nim e gliricídia, em consórcio com o cultivo de laranja e mandioca. Depois vieram os pés de banana e mamão, além de plantas típicas do Semiárido, como palma e angico. Algumas delas, como a gliricídia e a palma, são usadas para complementar a alimentação dos animais durante a seca. Já o nim é utilizado como um pesticida natural.

Hoje, Loro cultiva espécies frutíferas para produção de caju, manga, tangerina, graviola, além de três espécies de laranja: poncã, bahia e mimo do céu, além dos limões taiti e galego, que são carros-chefes da produção. Como lavoura temporária (culturas de curta duração), ele plantou feijão-bravo, fava e melancia, em consórcio com joão-mole e eucalipto.

O capim cortado, diferentemente de outras plantações, não é retirado, mas deixado no solo, junto com as folhas da vegetação, para proteger da erosão e da perda de nutrientes. Também não há o uso de agrotóxicos. Pragas, como a mosca negra dos citros, considerada a maior ameaça a esse tipo de plantação, é controlada com o uso de técnicas da agricultura tradicional.

Para desenvolver a agroecologia, os pequenos produtores precisam fazer a recomposição ambiental. Para atender a essa finalidade, seu Loro resolveu, com o apoio do sindicato de Massaranduba, criar um viveiro com espécies locais e adaptadas para a região, para oferecer mudas de árvores como maçaranduba, angico, jatobá, pau d'arco, nim e pau-brasil. As espécies são distribuídas gratuitamente. Atualmente, a rede de viveiros de mudas já abrange cinco município da região: Massaranduba, Solânia, Remigio, Alagoa Nova e Esperança.

"Depois que eu comecei a trabalhar dessa forma, vi o quanto obtive de retorno. Antes, os vizinhos achavam que eu era bobo por manter a mata. Hoje, eles já estão entendendo o benefício que isso traz. Cada muda que saí daqui é uma planta a mais para o sertão. Eu sinto que cada pé de árvore que sai daqui é como se fosse uma criança nova no mundo", filosofa Loro.


Vindo da Chapada Diamantina, região de serras no centro da Bahia, o agricultor Reginaldo de Lima disse que estava contente em poder compartilhar da experiência. "Na minha roça, eu também estou fazendo o mesmo. Se cada um fizesse a sua parte, a gente não teria tanto problema com a água", alertou.



Outro participante, Francisco de Sousa, prestava assessoria técnica para os produtores familiares do Semiárido, mas resolveu experimentar o "outro lado" e hoje desenvolve, junto com 35 famílias de Viçosa, no Ceará, um trabalho de agroecologia na Serra da Ibiapaba, na divisa com o Piauí.

"Nós trabalhamos com respeito a natureza. Hoje, conseguimos recuperar boa parte da mata nativa. Não cortamos mais as árvores para fazer lenha, plantamos algumas espécies, como o sabiá, para essa finalidade, disse o produtor, também especializado na produção de cítricos.

Ato em frente ao Congresso pede mais recursos para a saúde

Por: Thais Leitão. Fonte: Agência Brasil
Fotos: blogs.estadao.com.br / Ag. Brasil
Edição: Jorge Luiz da Silva
Salvador, BA (da redação Itinerante do Blog MUSIBOL)


Com o objetivo de pressionar os parlamentares a aprovarem projetos que ampliem os recursos para o financiamento do Sistema Único de Saúde (SUS), o Conselho Nacional de Saúde (CNS) promove hoje (30) uma mobilização em frente ao Congresso Nacional. Usando faixas e com apoio de um carro de som, os manifestantes defendem principalmente a destinação de 10% da receita bruta da União para o setor, conforme previsto no Projeto de Lei Complementar 312/12.

A medida, que representa um adicional de R$ 46 bilhões para a saúde já em 2014, tramita na Câmara. A proposta é uma iniciativa do Movimento Nacional em Defesa da Saúde Pública, o Saúde+10, e recebeu a assinatura de 2,2 milhões de eleitores. O Senado aprecia outro projeto sobre ampliação do financiamento do setor – o que cria o Orçamento Impositivo. Segundo o texto, 50% das emendas de deputados e senadores devem ser destinados à saúde.

De acordo com coordenador do Saúde+10, Ronald Ferreira, a demanda popular precisa ser considerada pelos parlamentares. "O Congresso está, no dia de hoje, debatendo o financiamento da saúde e queremos ser ouvidos”, disse. “Vamos exigir que no processo de discussão o povo seja levado em consideração. A proposta do governo faz apenas um ajuste orçamentário e isso nos preocupa porque se não houver recursos novos medidas importantes como o Mais Médicos se desmancharão em breve", Completou.


Durante a manifestação, que conta com a participação de representantes de conselhos de saúde de todos os estados, a presidenta do Conselho Nacional de Saúde, Maria do Socorro de Souza,  informou que as entidades também vão lançar na tarde de hoje, no Ministério da Saúde, uma campanha para incentivar a ampliação da participação popular no controle social do SUS. Ela explicou que a iniciativa prevê ações que se estenderão até a 15ª Conferência Nacional de Saúde, marcada para 2015, em Brasília. Entre elas estão ciclos de debates, campanhas de e uma mostra itinerante sobre a história do SUS, que deve circular por vários estados.

"Acreditamos que o SUS deve ser resgatado como patrimônio popular. O povo forma uma opinião negativa do SUS, muito distorcida, em parte por causa do que é veiculado na imprensa. Nossa chamada é para que todo cidadão brasileiro possa opinar, conhecer e se mobilizar em defesa de um dos maiores sistemas de saúde universal do mundo, apesar de todas as deficiências", disse.

Índice de correção do aluguel sobe com menos intensidade

Por: Marli Moreira. Fonte: Agência Brasil
Foto: wscom.com.br
Edição: Jorge Luiz da Silva
Salvador, BA (da redação Itinerante do Blog MUSIBOL)


O Índice Geral de Preços – Mercado (IGP-M) teve alta de 0,86% em outubro. A variação ficou abaixo da apurada em setembro último (1,5%) e bem acima da ocorrida no mesmo mês do ano passado (0,02%). Desde janeiro, a taxa acumula elevação de 4,58% e, em 12 meses, de 5,27%. O último índice é o que serve de base de cálculo para a correção do valor do aluguel.

O levantamento feito pelo Instituto Brasileiro de Economia (Ibre) da Fundação Getulio Vargas mostra decréscimo em dois dos três componentes do índice. No segmento atacadista medido pelo Índice de Preços ao Produtor Amplo (IPA), a taxa passou de 2,11%, em setembro, para 1,09%. Entre os grupos que influenciaram essa queda na intensidade de alta estão commodities como a soja (em grão), que tinha subido 10,78% na última apuração e, em outubro, passou para 0,60%.

Nesse mesmo grupo, tiveram ainda redução na velocidade de aumento as aves (de 10,81% para 3,27%) e o leite in natura (de 3,81% para 0,90%). Em movimento oposto, o minério de ferro subiu 6,81% ante 3,53%; os bovinos (de 0,93% para 3,80%) e  a mandioca (de -3,43% para -0,11%).

No setor varejista, o Índice de Preços ao Consumidor (IPC) indicou elevação de 0,43%, acima do índice de setembro (0,27%), e foi provocado, principalmente, pelos alimentos, com avanço de 0,63% ante 0,14%.

O Índice Nacional de Custo da Construção (INCC) perdeu força, com taxa de 0,33% ante 0,43%. Os materiais, equipamentos e serviços subiram 0,68% ante 0,91% e o valor pago pela mão de obra permaneceu estável pela segunda vez consecutiva.

Governo analisa proposta de aumento do biodiesel adicionado ao diesel, diz Lobão

Por: Pedro Peduzzi. Fonte e foto: Agência Brasil
Edição: Jorge Luiz da Silva
Salvador, BA (da redação Itinerante do Blog MUSIBOL)


O ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, informou hoje (30) que já enviou ao Palácio do Planalto uma proposta de aumento do índice de biodiesel ao diesel. A proposta, segundo ele, está sendo analisada pelo governo.

Atualmente, o percentual é 5%. O Rio Grande do Sul é responsável por 35% a 40% da produção nacional de biodiesel, sendo que a maior parte está concentrada no norte gaúcho.

Reajuste de combustíveis levará em consideração preço internacional, diz Petrobras

Por: Vitor Abdala. Fonte: Agência Brasil
Foto: portalrcr.com.br
Edição: Jorge Luiz da Silva
Salvador, BA (da redação Itinerante do Blog MUSIBOL)


A política de reajuste automático periódico dos preços do diesel e da gasolina, definida no dia 25 pela Petrobras, levará em consideração fatores como o preço dos derivados no mercado internacional, taxa de câmbio e origem do derivado (ou seja, se o petróleo é refinado no Brasil ou no exterior). A informação foi divulgada hoje (30), atendendo a um pedido da Comissão de Valores Mobiliários.

Segundo nota divulgada pela assessoria de imprensa da estatal, o cálculo também terá um mecanismo para impedir o repasse de volatilidade dos preços internacionais ao consumidor doméstico. Isto porque questões como demanda internacional, crises entre países e guerras podem elevar ou derrubar preços do petróleo por um curto período de tempo.

De acordo com a Petrobras, a metodologia foi aprovada pela diretoria da empresa e apresentada ao Conselho de Administração, que, por sua vez, solicitou estudos adicionais, que já estão sendo elaborados.

Taxa de desemprego no país recua pelo segundo mês consecutivo

Por: Fernanda Cruz. Fonte: Agência Brasil
Foto: 2.bp.blogspot.com
Edição: Jorge Luiz da Silva
Salvador, BA (da redação Itinerante do Blog MUSIBOL)


A taxa de desemprego no mês de setembro ficou em 10,3%, índice inferior aos 10,6% registrados em agosto, segundo a Pesquisa de Emprego e Desemprego da Fundação Sistema Estadual de Análise de Dados (Seade) e Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese). O total de desempregados ficou em 2.313 mil, 42 mil a menos que no mês anterior.

O nível de ocupação teve pequeno aumento de 0,7% em setembro na comparação com agosto. Foram criados 132 mil postos de trabalhos, número maior do que o de pessoas que entraram no mercado de trabalho (89 mil). O total de ocupados foi estimado em 20.040 mil, e a População Economicamente Ativa (PEA) registrou 22.354 mil pessoas.

Nas sete regiões metropolitanas onde a pesquisa é feita, houve crescimento em Belo Horizonte (de 6,9% para 7,2%) e Recife (14,2% para 14,5%). Houve redução em Salvador (18,2% para 17,8%), São Paulo (10,4% para 10%), no Distrito Federal (12,3% para 12%), em Porto Alegre (6,5% para 6,2%) e Fortaleza (7,9% para 7,7%).

terça-feira, 29 de outubro de 2013

Pnad 2013 vai trazer dados sobre acesso à TV digital e à internet por dispositivos móveis

Por: Vitor Abdala. Fonte: Agência Brasil
Fotos: thumbs.dreamstime.com / ibge.gov.br
Edição: Jorge Luiz da Silva
Salvador, BA (da redação Itinerante do Blog MUSIBOL)


Entrevistadores do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) estão nas ruas de todo o país com o objetivo de coletar informações para a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) de 2013. Além de dados sobre emprego, rendimento, educação e habitação, a pesquisa terá como novidade perguntas sobre o uso de internet por aparelhos móveis, a recepção de TV digital e o acesso a canais por assinatura.

A finalidade é ajudar o governo federal na condução da implantação do Sistema Brasileiro de Televisão Digital e na melhoria do Programa Nacional de Banda Larga. No caso do sistema de TV digital, a previsão do governo é desligar os sinais analógicos de televisão entre 2015 e 2018, sem que isso prejudique a população. Por isso, segundo o assessor do Ministério das Comunicações Danilo Bertazzi, é preciso saber quantas pessoas ainda não têm televisão com recepção de sinal digital, quem são elas e onde estão.


Os resultados da pesquisa indicarão ao governo se será possível manter o cronograma como previsto ou se serão necessárias mudanças ou políticas específicas. “As opoções estão sendo estudadas. Com base nas informações da Pnad, vamos tomar as decisões, seja para subsidiar o acesso ao dispositivo [aparelho com recepção digital] ou ao conversor, seja para alterar o cronograma”, explicou Bertazzi.

Em relação ao uso da internet, será a primeira vez que o IBGE avaliará o acesso à rede mundial por meio de celulares e outros dispositivos móveis. A Pnad, por exemplo, só avalia se o domicílio tem acesso à internet por meio de computadores. Segundo Bertazzi, acredita-se que 80% dos acessos à internet no país sejam feitos por dispositivos móveis, mas não se sabe quem são essas pessoas nem onde estão.


Como ocorreu em 2004 e 2009, a pesquisa deste ano também trará um questionário sobre segurança alimentar, em que serão perguntados, por exemplo, se a pessoa se preocupa em ficar sem dinheiro para comprar comida ou se alguém de sua casa passou fome nos últimos três meses.

A coleta da Pnad 2013 começou há duas semanas no Rio de Janeiro. Na semana passada, os entrevistadores foram às ruas em mais dez estados. Hoje, a coleta se inicia nas outras 17 unidades da Federação. O processo de recolhimento das informações vai durar três meses. A divulgação dos resultados está prevista para setembro de 2014.

JOLUSI FM

JOLUSI FM
A rádio web que toca os sucessos de sempre.

JOLUSI FM

MAPA DE ACESSOS

ON LINE

TYNT

Total de Visitas

SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS

SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS
DE SERRINHA PARA O MUNDO