Pages

Subscribe:

RÁDIO WEB EM DOSE DUPLA

RÁDIO WEB EM DOSE DUPLA
Tocando o Sucesso de Sempre

JOLUSI AM (Rádio web) 2017

A rádio web JOLUSI AM também está nesse endereço. Agora com áudio e video. Clique no PLAY para ouvir a música.

segunda-feira, 31 de dezembro de 2012

Atualizada - Publicada portaria que regulamenta processo seletivo do ProUni no primeiro semestre de 2013

Por: Paula Laboissière. Fonte: Agência Brasil.
Foto: http://www.pinicodeouro.com.br
Serrinha, BA (da redação itinerante do Blog MUSIBOL)


Portaria que regulamenta o processo seletivo do Programa Universidade para Todos (ProUni) referente ao primeiro semestre de 2013 foi publicada hoje (31) no Diário Oficial da União.

O texto trata de etapas específicas do programa, como o período de inscrições, a pré-seleção de candidatos e a comprovação de informações dos estudantes classificados. Para se inscrever no processo seletivo, o aluno tem que ter participado do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2012, entre outros pré-requisitos.

De acordo com a publicação, o estudante precisa ter obtido nota mínima de 450 pontos em cada uma das áreas de conhecimento do Enem. Anteriormente, a pontuação mínima exigida era 400. A portaria, assinada pelo ministro da Educação interino, José Henrique Paim Fernandes, entra em vigor hoje.

Criado em 2004, o programa tem como finalidade a concessão de bolsas de estudo integrais e parciais em cursos de graduação e sequenciais de formação específica, em instituições privadas de educação superior.

Dados do Ministério da Educação indicam que o ProUni já atendeu, desde sua criação até o processo seletivo do segundo semestre de 2012, a mais de 1 milhão de estudantes, sendo 67% com bolsas integrais.

Dilma sanciona lei que aumenta teto salarial do serviço público

Fonte: IBahia
Foto: oglobo.globo.com
Serrinha, BA (da redação itinerante do Blog MUSIBOL)


O Diário Oficial da União de hoje informa que Dilma sancionou também a lei que reajusta o subsídio do procurador-geral da República

A presidente Dilma Roussef sancionou sem vetos a lei que reajusta o subsídio dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF), elevando também, consequentemente, o teto de remuneração do serviço público. Aprovado no último dia 18 pelo Senado, o texto, que já tinha recebido aprovação da Câmara dos Deputados, foi publicado no Diário Oficial da União desta segunda-feira, o último de 2012.

O reajuste, no total de 15,76%, será escalonado em três anos. Em 1º de janeiro de 2013, o salário dos juízes do STF sobe de R$ 26.723,13 para R$ 28.059,29. Em janeiro de 2014, passará a ser de R$ 29.462,25 e, em janeiro de 2015, de R$ 30.935,36.

O Diário Oficial da União de hoje informa que Dilma sancionou também a lei que reajusta o subsídio do procurador-geral da República. Os valores e as datas de reajuste são idênticos aos previstos para os ministros da suprema Corte brasileira. Com informações do Valor Econômico.

Retrospectiva: Bahia nasceu para vencer – Parte 3

Fontes: Livro "Esporte Clube da Felicidade - 70 anos de Glórias", de Nestor Mendes Jr.,
Ano 2001; www.eusoubahia.com e Arquivo www.campeoesdofutebol.com.br
Serrinha, BA (da redação itinerante do Blog MUSIBOL)

Jogadores do Bahia (1º campeão brasileiro) com as faixas e o troféu. Foto: semprebahia.com
Em 1934, a Bahia foi a vencedora do Campeonato brasileiro de seleções estaduais e o Bahia cedeu a maioria dos jogadores que foram campeões. Na época, este era o campeonato mais importante do Brasil e a Bahia foi o único estado do Nordeste a ser campeão.

Durante muito tempo, o Bahia continuou sendo uma grande força no estado da Bahia, porém não reconhecida no Brasil, por não haver um torneio nacional, até que foi criada a Taça Brasil. Em geral, se classificavam para este torneio os campeões estaduais ou os vencedores de taças estaduais, e o Tricolor Baiano foi quem mais disputou o torneio entre os clubes do Nordeste. Em 1959, na primeira edição do torneio, o Bahia foi o grande campeão, apesar de não ter sido o favorito na grande final contra o Santos, o Tricolor venceu duas das três partidas decisivas deste torneio, levantando assim a Taça Brasil e a única vaga brasileira para a Taça Libertadores da América.

PARABÉNS, BAHIA, 1º CAMPEÃO BRASILEIRO
Há pouco mais de 50 anos, o Bahia conquistava o Brasil pela primeira vez!!!!
Por: Euclides Almeida

Os primeiros campeões do Brasil. Foto: semprebahia.com
“Em Salvador, a explosão de alegria foi tanto ou mais ruidosa quanto a vocação do brasileiro, do baiano em especial, para improvisar um carnaval, o mais animado e entusiasta.

Amanheceram os tricolores entre os cânticos e o foguetório que marcou, na capital baiana, todo o regozijo do seu povo pela ousada façanha dos seus representantes.

No retorno da delegação, a vibração não foi menor, desde o aeroporto onde milhares de desportistas deram as boas vindas aos campeões, por todo o percurso, até o centro da cidade, com uma multidão incalculável que não apenas saudou, mas e sobretudo consagrou dirigentes e atletas, todos autênticos heróis.”

Trecho extraído do Livro  Bahia de Todos os Títulos de autoria de Carlos casaes e Newton Calmon.

 CAMPANHA VITORIOSA

O Esquadrão de Aço fez uma brilhante campanha e, merecidamente, levantou a Taça que lhe deu o direito e a honra de ser o primeiro time brasileiro a disputar a Taça Libertadores da América. Foram 14 jogos, com 9 triunfos, 2 empates e 3 derrotas. Marcou 25 gols e sofreu 18. Léo foi artilheiro da competição, com 08 gols marcados

Foto: Google.com.br

Confira os jogos da campanha:

Primeira Fase
- 23/08/1959 - CSA/ AL 0 x 5 Bahia
Gols: Alencar (2), Ari, Léo e Carioca

- 30/08/1959 – Bahia 2 x 0 CSA/ AL
Gols: Marito e Léo
Oitavas-de-final
- 20/09/1959 – Ceará/ CE 0 x 0 Bahia
- 27/09/1959 - Bahia 2 x 2 Ceará/ CE
Gols: Léo e Claudinho (contra)

- 29/09/1959 - Bahia 2 x 1 Ceará/ CE
Gols: Biriba e Léo

Quartas-de-final
- 27/10/1959 - Bahia 3 x 2 Sport/ PE
Gols: Biriba, Marito e Ari
- 30/10/1959 - Sport/ PE 6 x 0 Bahia

- 03/11/1959 - Sport/ PE 0 x 2 Bahia
Gols: Biriba e Léo

Semifinal
- 19/11/1959 – Vasco/ RJ 0 x 1 Bahia
Gol: Alencar

- 24/11/1959 - Bahia 1 x 2 Vasco/ RJ
Gol: Ari

- 26/11/1959 - Bahia 1 x 0 Vasco/ RJ
Gol: Léo

FINAL
- 10/12/1959 - Santos/ SP 2 x 3 Bahia
Gols: Biriba, Léo e Alencar

- 30/12/1959 - Bahia 0 x 2 Santos/ SP

- 29/03/1960 – Bahia 3x1  Santos/ SP (Maracanã – Rio de Janeiro/ RJ)
Gols: Vicente, Léo e Alencar
Escalação: Nadinho, Nenzinho, Henrique e Beto; Flávio e Vicente; Marito, Alencar, Léo, Mário e Biriba.

Consumidor deve guardar recibos dos pagamentos feitos no ano, recomenda Ibedec

Por: Daniel Lima. Fonte: Agência Brasil
Fotos: folhadaregiao.com.br / portalrealeza.com / pt.dreamstime.com
Serrinha, BA (da redação itinerante do Blog MUSIBOL)


O ano está acabando e o que fazer com os recibos na hora de limpar as gavetas? Separá-los e organizá-los, sejam de pagamento de impostos, sejam de quitação de outras dívidas, recomenda o Instituto Brasileiro de Estudo e Defesa das Relações de Consumo (Ibedec). A instituição destaca que, no caso de pagamentos de impostos, os recibos devem ser guardados por cinco anos.

Segundo Geraldo Tardin, presidente do Ibedec, é comum no início do ano as pessoas descobrirem que deixaram de pagar uma parcela de algum imposto. “Por isso, é importante para o cidadão ter tudo organizado e separado. No caso de documentos fiscais, o prazo é sempre cinco anos. Não se deve descartar nada”, recomenda.

Devem ser guardados, também por cinco anos, os comprovantes de despesas usados na Declaração do Imposto de Renda, como os relativos a empréstimos bancários, a investimentos e a aquisições de bens, como imóveis, informou Tardin. No caso de transações de pessoa física com pessoa física, como recibo de aluguel, por exemplo, o prazo é menor: três anos.

 Para as relações protegidas pelo direito do consumidor, que são de pessoa física com pessoa jurídica, os documentos devem ser guardados também por cinco anos. Caso a compra seja parcelada, o presidente do Ibedec recomenda que os cinco anos sejam contados a partir do pagamento da última parcela e, claro, arquivados todos os recibos anteriores.

Ter cuidado com os comprovantes é importante, assim como ter os documentos organizados em pastas separadas. Segundo Tardin, não adianta guardar os documentos em mesmo lugar, porque pode ser difícil encontrá-los na hora em que mais precisar.

No caso dos trabalhadores, o Ibedec recomenda o armazenamento de papéis que comprovem sua vida laboral, como os contracheques. “Isso porque quando chega a época da aposentadoria, se faltar comprovar algum período trabalhado muito distante, a pessoa poderá ter dificuldade. Infelizmente, existe sim a burocracia”, destaca Geraldo Tardin.

Os consumidores que programam quitar as dívidas com débito em conta não devem descuidar de verificar o extrato bancário no dia posterior à data do pagamento para ver se a operação foi concretizada. Também devem ter cuidado com os cheques predatados, pois os valores ao serem debitados, podem deixar o saldo inferior ao necessário para pagar as dívidas programadas no banco.

 Um erro muito comum, segundo Tardin, ocorre com o pagamento feito por meio do código de barras. O consumidor acredita que está tudo certo, mas depois descobre que programou o pagamento com erros. “Tem que ter a atenção redobrada para esses problemas e evitar uma dor de cabeça futura. Nesses casos, a prova é única e exclusiva da pessoa”, explica.

O consumidor deve também deve evitar atrasar o pagamento de faturas como as do cartão de crédito porque o boleto não chegou no endereço indicado para correspondência até a data do vencimento.

“Muitas vezes, as pessoas aguardam até a data do pagamento para ver se o boleto chega. É errado. Se o boleto não chegou, ligue para a administradora do cartão ou entre no site da companhia para pedir pelo menos o código de barras e efetuar o pagamento. Senão, pagará juros e multas remuneratórias”, alerta.

Os prestadores de serviço são obrigados por lei a mandar a declaração de quitação de débitos em maio de cada ano. Mas, segundo Tardin, muitas empresas resistem e não cumprem essa obrigação. Para ele, no entanto, se não encaminham, “admitem uma confissão velada de que o consumidor não está devendo nada”. Legislação federal estabelece que a declaração de quitação anual substituirá os recibos e comprovantes mensais emitidos ao longo do ano anterior.

Concluída a obra civil, arena estará em fase de testes de janeiro a março

Por: Eduardo Rocha (eduardo.rocha@redebahia.com.br) Fonte e fotos: IBahia.
Serrinha, BA (da redação itinerante do Blog MUSIBOL)

A data de previsão para entrega da Arena é o dia 28 de fevereiro. Inauguração será no aniversário da Cidade. O evento ainda foi definido.

Nova Fonte Nova está em fase final de construção

Os prazos vão ficando mais apertados e a pressão aumenta a cada arena pronta para a Copa do Mundo 2014. Com Castelão e Mineirão inaugurados na dianteira, a Fonte Nova cumpre outra etapa do seu cronograma hoje. O penúltimo dia de 2012 marca o fim das obras civis (de estrutura física fundamental) essa foi a previsão apresentada pelo consórcio responsável pela reconstrução do estádio.

O próximo passo é a entrega da arena, que passou para 28 de fevereiro, anúncio feito após acordo firmado entre governo do estado e a Fifa, em virtude da readequação do projeto,em solicitação estabelecida pela entidade. Dentre os pedidos, drenagem à vácuo, gramado plantado diretamente no próprio campo e redução em 40% no tempo de evacuação.

É justamente na drenagem do campo de 105 por 68 metros que se trabalha agora. A grama começa a ser plantada no dia 15 de janeiro, data em que a Fifa estará em Salvador pra uma visita. Nos três primeiros meses do ano, a Fonte Nova estará em fase de testes  do sistema de segurança, combate a incêndio, instalações elétricas, hidráulicas e todos os sistemas eletrônicos.

É quando os locatários de restaurantes, quiosques e lojas começarão a fazer suas intervenções para iniciar a operação. A abertura está prevista para 29 de março, aniversário de Salvador, ainda com evento indefinido.

Banda Armandinho, Dodô & Osmar é atração no Réveillon do Farol da Barra

Fonte e foto: IBahia.
Serrinha, BA (da redação itinerante do Blog MUSIBOL)

Grupo vai fazer uma prévia do Carnaval 2013, que terá como tema a 'Guitarra Baiana'

Banda Armandinho, Dodô e Osmar

A Banda Armandinho, Dodô & Osmar vai começar 2013 em grande estilo. Os herdeiros de seu Osmar Macedo se apresentam no Farol da Barra, e prometem deixar a festa do Réveillon eletrizada ao som da Guitarra Baiana, tema do Carnaval 2013. A Banda divide o palco com Carlinhos Brown e Jau. Entrada franca.

Betinho Macêdo (Baixo), Armandinho Macêdo (Guitarra Baiana), Aroldo Macêdo (Guitarra Baiana) e André Macêdo (Vocal), prometem um show inesquecível, digno dos baianos e turistas que escolherem o Farol da Barra para começar o próximo ano.

Com um repertório de sucessos, construído ao longo de quase 40 anos de carreiras, a Banda Armandinho, Dodô & Osmar privilegia o som instrumental, que deu origem ao Trio Elétrico. 'Pombo Correio', 'Frevo do Trio Elétrico', 'Viva Dodô & Osmar', 'Vida Boa', 'Zanzibar', 'Chão da Praça' e 'Chame Gente', são certeza no setlist.

Homenagem no Carnaval
A Guitarra Baiana é a grande homenageada de 2013, e a Banda Armandinho, Dodô & Osmar vai mostrar porque esse instrumento, inventado na Bahia em 1942 e que depois foi adotado, pesquisado, adaptado, recriado e batizado por Amandinho Macêdo, considerado por muitos como um dos melhores guitarristas do mundo, é, até hoje, o grande motivo da música nesta família musical.

A Banda Armandinho, Dodô & Osmar é formada por Armandinho Macêdo (Guitarra Baiana), Aroldo Macêdo (Guitarra Baiana), André Macêdo (Vocal), Betinho Macêdo (Baixo), Gabriel Macêdo (Guitarra Base), Jorge Brasil (Bateria), Yacoce Simões (Teclado), Emanuel Stanchi, Ronaldo Oliveira e Tiago Nunes (Percussão), Suzana Bello e Kaco (Vocais).



domingo, 30 de dezembro de 2012

MUSIBOL de visual novo lança mais uma enquete

Serrinha, BA (da redação do Blog MUSIBOL)


A partir de hoje estamos lançando junto com o novo visual do Blog MUSIBOL sugerido pelo nosso amigo Ricardo Santana, a enquete nº 3.

Contamos com a sua participação mais uma vez para avaliamos as opiniões em relação ao futebol.
São dezesseis opções e você internauta pode escolher mais de uma.
Queremos saber se você realmente gosta de futebol ou não.

Em caso positivo quais são as competições amadoras (municipal) e profissionais (estadual, nacional e internacional), de sua preferência.

Fique a vontade para fazer a sua escolha.

E se quiser fazer algum comentário, enviar a sua sugestão ou uma crítica construtiva utilize os nossos endereços eletrônicos.


A sua participação é muito importante.

Retrospectiva: Bahia nasceu para vencer – Parte 2

Fontes: Livro "Esporte Clube da Felicidade - 70 anos de Glórias", de Nestor Mendes Jr., Ano 2001; www.eusoubahia.com e Arquivo www.campeoesdofutebol.com.br. Foto:

Serrinha, BA (da redação itinerante do Blog MUSIBOL)

Teixeira Gomes; Leônidas e Gueguê; Milton, Canoa e Gia; Bayma, Guarany, Gambarrota
e Pega-Pinto. 
O técnico é João Barbosa. Informação: Google.com.br
Primeiro jogo e título
Em 01/03/1931, o Tricolor entra em campo pela primeira vez e confirma o slogan "nascido para vencer".

A vitima foi o Ypiranga, por 2 a 0, com gols de Bayma e Guarany. O goleiro Teixeira Gomes ainda defende um pênalti cobrado pelo ypiranguense Hipólito. Válida pelo Torneio Inicio do Estadual, a partida tem apenas 20 minutos de duração. Coube a Bayma, aos dois minutos da etapa inicial, a honra de marcar o primeiro gol com a camisa do Bahia. Fato interessante é que o jogador é sobrinho de Zuza Ferreira, que trouxe o futebol para o Estado.

O Bahia jogou com a seguinte formação: - Teixeira Gomes; Leônidas e Gueguê; Milton, Canoa e Gia; Bayma, Guarany, Gambarrota e Pega-Pinto. O técnico é João Barbosa e o arbitro, Francelino de Castro.

No mesmo dia 01/03, o Bahia conquista o primeiro titulo de sua história, o Torneio Inicio do Baianão de 1931.

A taça vem com uma goleada no segundo jogo do dia, contra o Royal, por 3 a 0. Gols de Guarany (2) e Pega-Pinto.


Diesel menos poluente estará disponível a partir do primeiro dia do ano

Por: Sabrina Craide. Fonte: Agência Brasil.
Fotos: fatosedados.blogspetrobras e cmensagemsubliminar.blogspot
Serrinha, BA (da redação itinerante do Blog MUSIBOL)

A partir da próxima terça-feira (1°), todo o diesel S50 atualmente disponível no mercado nacional será substituído pelo diesel S10, com menor teor de enxofre. A medida faz parte do Programa de Controle da Poluição do Ar por Veículos Automotores (Proconve), criado em 2009.

O diesel S50 emite 50 partículas por milhão (ppm) de enxofre, enquanto o S10 tem emissão de 10 ppm de enxofre. Segundo o Ministério de Minas e Energia, o consumo do diesel com menor teor de enxofre significa menos emissões atmosféricas e, portanto, menos danos ambientais. Com a mudança, todos os veículos a diesel que foram produzidos já em 2012 passarão a consumir obrigatoriamente o diesel S10.

 Os municípios que já eram abastecidos com o diesel S50 passarão a receber o S10. Dessa forma, a demanda esperada de S10 para janeiro de 2013 deve alcançar cerca de 15% do mercado nacional de diesel rodoviário, de acordo com o ministério.

“A expectativa é de que o mercado de diesel S10 avance a cada ano, acompanhando a evolução da frota de veículos, colocando o Brasil em posição de destaque em termos de abastecimento de combustíveis e de exigências ambientais”, diz o MME, em nota. Desde o dia 1º de janeiro de 2012, a distribuição do óleo diesel S50 se tornou obrigatória em todas as regiões do país.

Ogum será o orixá regente em 2013, segundo o Candomblé

Por: Tiago Di Araujo (tiago.araujo@redebahia.com.br). Fonte e foto: IBahia
Serrinha, BA (da redação itinerante do Blog MUSIBOL)

Segundo a previsão da ialorixá Iara de Oxum, o ano será de vários conflitos sociais. Na política, ACM Neto irá superar muitos problemas

Em 2013 o ano será regido por Ogum. O orixá guerreiro divide o próximo ano com Nanã. Segundo a previsão da ialorixá Iara de Oxum, da associação Pássaro das Águas, o ano será muito quente e de bastantes conflitos sociais. Considerado como orixá do caminho, Ogum receberá a ajuda da dona da vida e da morte, Nanã.

"Este será um ano de muitas confusões relacionadas às drogas com menores e policiais, além de muitas mortes", alertou a mãe de santo. Segundo a Iara de Oxum, a situação social não irá melhorar em nada no próximo ano por Nanã além de trazer o prazer da vida, também trazer a tristeza da morte.

Para Iara, a maior parte dos problemas são de responsabilidade do 'homem'. "Se o homem não se conscientizar de que a transformação está acontecendo, a tendência é piorar. Precisamos buscar a nossa fé", alertou.

Ogum - é o temível guerreiro, violento e implacável, deus do ferro, da metalurgia e da tecnologia
Dia: Terça-Feira
Cores: Azul-marinho
Símbolos: Bigorna, Faca, Pá, Enxada e outras ferramentas
Elementos: Terra (florestas e estradas) e Fogo
Domínios: Guerra, Progresso, Conquista e Metalurgia
Saudação: Ògúm ieé!!

Nanã - a deusa dos mistérios, é uma divindade de origem simultânea à criação do mundo.

Dia: Terça-feira
Cores: Lilás
Símbolo: Bastão de hastes de palmeira (Ibiri)
Elemento: Terra, Água, Lodo
Domínios: Vida e Morte, Saúde e Maternidade
Saudação: Salubá!

Política
Para a mãe de santo, o futuro prefeito de Salvador, ACM Neto, trará luz de volta para a cidade. "ACM é filho de Ogum e podemos contar com a presença firme de um guerreira do orixá que vai organizar a nossa cidade", afirma Iara. Devido ao orixá do ano ser da guerra, o prefeito deverá enfrentar muitos problemas mas que serão superados.

 "O nosso futuro prefeito tem pulso e vai fazer o melhor para minimizar os problemas da capital. Para isso ele contará com total ajuda do orixá", disse a ialorixá. Já em relação a João Henrique, o caminho pode ser ainda mais conturbado. "Ele (João Henrique) ainda vai passar por muitas dificuldades, que poderão gerar total insucesso", alerta.

Simpatia
Para quem segue as simpatias e deseja dá boas vindas aos orixás, pode seguir algumas orientações. Segundo Iara, quem pretende pedir glórias a Ogum, deverá assar ou cozinhar um iame sem cascas, colocar um pouco de mel dentro e deixar entre uma região de mato e estrada junto à uma folha de banana ou de mamona.

Confira as simpatias para entrar 2013 com o pé direito

Cores
A superstição com as cores é a mais famosa entre todas. Para quem acredita, é bom seguir as cores dos orixás que irão reger o ano de 2013. A cor que irá prevalecer será o azul marinho que é de Ogum, mas também terá grande influência do lilás que é a cor de Nanã.

Seguindo a superstição, a mãe de santo dá uma dica para acalmar o ano que está por vim. "Pedindo paz, eu aconselho que as pessoas vistam mais branco", enfatizou Iara.

Caminhada
No dia 03 de fevereiro, acontece a 4ª Caminhada da Pedra de Xangô. Como todos os anos, será dedicada aos pedidos de paz e tranquilidade. A saída está prevista para às 7h30 do campo da Pronac em Cajazeiras X até à Pedra.

sábado, 29 de dezembro de 2012

Balanço indica que 81% das obras da Copa estão concluídos ou em andamento

Por: Jorge Wamburg. Fonte e foto: Agência Brasil
Serrinha, BA (da redação itinerante do Blog MUSIBOL)


A um ano e meio da Copa do Mundo de 2014 e a seis meses da Copa das Confederações de 2013, os preparativos do Brasil para sediar as duas competições seguem em ritmo considerado positivo pelo Ministério do Esporte, segundo o qual 81% das obras programadas até o Mundial estão concluídos ou em andamento, totalizando 102 projetos, que envolvem estádios, portos, aeroportos e mobilidade urbana nas 12 cidades-sede da competição.   

Esses projetos constituem o primeiro ciclo de planejamento para o evento de 2014 e estão estimados em R$ 23,6 bilhões, segundo o 4º Balanço de Ações para a Copa, feito pelo ministério, no final deste mês, com base em dados de novembro passado.  Outros R$ 2,5 bilhões serão gastos nas ações do segundo ciclo com os setores de telecomunicações, turismo, segurança e defesa, energia e promoção, totalizando investimentos de R$ 26,1 bilhões.

O ministro do Esporte, Aldo Rebelo, considera o balanço “um retrato positivo de que as obras, principalmente as relacionadas com a infraestrutura esportiva, estão dentro do cronograma acertado com a FIFA”. Por isso, o governo está otimista com a realização do Mundial e da Copa das Confederações no Brasil, até porque “algumas obras ficaram prontas bem antes da copa, como os estádios de Fortaleza e de Belo Horizonte e algumas intervenções em aeroportos. E as obras de mobilidade urbana e em portos estão em andamento”.

A Copa do Mundo de 2014 será a 20ª edição e terá o país como anfitrião pela segunda vez, sendo a primeira em 1950, quando o Uruguai conquistou o título e o Brasil foi vice-campeão. A competição será disputada entre 12 de junho e 13 de julho e ocorrerá pela quinta vez na América do Sul, 36 anos depois de a Argentina realizar o evento, em 1978.

As 12 capitais brasileiras que receberão os jogos são Belo Horizonte, Brasília, Cuiabá, Curitiba, Fortaleza, Manaus, Natal, Porto Alegre, Recife, Rio de Janeiro, Salvado e São Paulo. Mas antes, de 15 a 30 de junho de 2013, seis delas sediarão a Copa das Confederações, que funcionará como evento-teste para 2014: Belo Horizonte, Brasília, Fortaleza, Rio de Janeiro, Salvador e Recife.

Os estádios de Fortaleza (Castelão) e Belo Horizonte (Mineirão) já estão prontos e os outros quatro deverão ser entregues até abril de 2013, segundo o Ministério do Esporte.  Os demais deverão estar concluídos até dezembro de 2013. Os estádios receberão R$ 7,1 bilhões em investimentos, sendo R$ 3,76 bilhões em financiamento federal. O BNDES desembolsou R$ 1,9 bilhão, ou 51% do total, para oito projetos.

Psirico confirma participação de Ivete, Peixe, Mc Naldo e Tomate em primeiro ensaio de 2013

Fonte e foto: Ibahia.
Serrinha, BA (da redação itinerante do Blog MUSIBOL)

Ensaio do Psi reúne Ivete, Tomate, Mc Naldo e Peixe 

O próximo ensaio da banda baiana será no dia 31 de janeiro

O primeiro ensaio do Psirico em 2013 acontece na quinta-feira (03), no Bahia Café Hall, Paralela, a partir das 20h, entre as atrações estão Ivete Sangalo, Tomate, Mc Naldo, Alexandre Peixe. O show será aberto pela banda Kart Love. O 1º lote de ingressos custam R$40 (pista) e R$80 (camarote).

"Ivete Sangalo, Tomate, Peixe, Mc Naldo no ensaio do Psi dia 03 DE JANEIRO... IMPERDÍVEL...", comentou o cantor em seu perfil no Twitter. A banda capitaneada por Márcio Victor lançou na última sexta-feira (28) o clipe da nova música do PSI 'Dançation', que tem coreografia realizada por Diogo Pretto, ex-BBB, que é a aposta da banda para o verão 2013.

Assista o clipe da canção 'Dançation':



Bruno Gagliasso será Chimbinha no filme 'Isto é Calypso'

Fonte: EGO, no Rio.
Serrinha, BA (da redação itinerante do Blog MUSIBOL)

Ator vai contracenar com a atriz Deborah Secco, que dará vida a Joelma.
Bruno Gagliasso (Foto: Reprodução/ You Tube)

Bruno Gagliasso foi confirmado para integrar o elenco do filme "Isto é Calypso", de Caco de Souza, o mesmo diretor de "400 contra 1". Gagliasso viverá o músico Chimbinha e vai contracenar com Deborah Secco, que vai interpretar Joelma. As filmagens iniciam em junho de 2013 e nesta sexta-feira, 28, a equipe do filme divulgou um vídeo-teaser com participação de Joelma, Chimbinha, Deborah Secco e Bruno.

Débora Secco. Foto: cinemacao.com

. Confira o vídeo do filme aqui.

"Quem não conhece Chimbinha? Joelma? Você sabe, já ouviu falar. Estar fazendo parte disso, para mim, é muito importante. Além de ser um grande desafio para um ator, de ser um personagem em construção, é um personagem que existe, é real. Eu estou indo para um caminho completamente diferente, completamente distante do meu", disse Gagliasso no vídeo.
"Estou superfeliz, animada, ansiosa para compor esse personagem que é tão diferente de mim. Acho que vai ser um super desafio. Vou ter que aprender a dançar, a cantar", falou Deborah, que já tem feito encontros na casa da cantora, em São Paulo, para ensaiar alguns  passos das coreografias.
Recentemente, Joelma comentou sobre a escolha de Deborah para o papel.

Sistema elétrico deve receber cerca de 10 mil megawatts no próximo ano

Por: Alana Gandra. Fonte: Agência Brasil. Fotos: .historico.aen.pr.gov.br / tribunahoje.com
Serrinha, BA (da redação itinerante do Blog MUSIBOL)


As perspectivas do setor elétrico brasileiro para 2013 são muito boas, segundo assegurou à Agência Brasil Maurício Tolmasquim, presidente da Empresa de Pesquisa Energética (EPE), vinculada ao Ministério de Minas e Energia.

Conforme o dirigente, devem entrar no sistema elétrico nacional, durante o período, cerca de 10 mil megawatts (MW), englobando usinas hidrelétricas, eólicas (dos ventos) e térmicas, já leiloadas. “Vai ser um ano muito bom”.

No início de 2013, a EPE pretende fazer dois leilões de energia nova para contratação antecipada de energia, visando a garantir o atendimento da demanda para fornecimento entre três e cinco anos à frente, denominados, respectivamente, leilões A-3 e A-5. A empresa também estuda fazer, eventualmente, um leilão de reserva.

Tolmasquim acredita que, durante o próximo ano, serão leiloadas as usinas hidrelétricas de Sinop (MT) e São Manoel, situada entre Mato Grosso e o Pará. A usina de São Luiz do Tapajós (PA) poderá ficar para o início de 2014, segundo estimou.

 Na medida em que a expansão e a modicidade tarifária já estão “devidamente equacionadas”, os economistas do Grupo de Estudos do Setor Elétrico da Universidade Federal do Rio de Janeiro (Gesel/UFRJ) acreditam que os maiores desafios para 2013 “estão na órbita do sistema elétrico e do seu planejamento”.

O coordenador do Gesel, professor Nivalde de Castro, disse à Agência Brasil que a avaliação se baseia em dois fatos. “O primeiro é que a construção de novas hidrelétricas está tendo que diminuir ao máximo o volume dos reservatórios [chamadas usinas de fio d’água], passando a exigir a construção de usinas térmicas, exigência esta que se fará mais presente com o aumento da contratação de plantas eólicas [que geram energia a partir dos ventos]”.

O segundo desafio, salientou Castro, é a revisão dos procedimentos de planejamento das linhas de transmissão, “pois há um descompasso crescente entre a construção de plantas geradoras e de linhas de transmissão”. Segundo ele, o planejamento das linhas de transmissão “está muito passivo e vem sendo determinado após a realização dos leilões de geração”.

Governo e movimentos sociais querem aprovação do PNE pelo Senado em 2013

Por: Yara Aquino. Fonte: Agência Brasil. Fotos: smabc.org.br e nucleodecidadania.org
Serrinha, BA (da redação itinerante do Blog MUSIBOL)


Após cerca de um ano e meio de tramitação na Câmara e um mês e meio no Senado, o Plano Nacional de Educação (PNE) chega ao fim de mais um ano legislativo sem aprovação. No Senado, já foram apresentadas 80 emendas ao plano, mas, por enquanto, está mantido o ponto que mais gerou polêmicas na Câmara, a ampliação do percentual de investimento do Produto Interno Bruto (PIB) em educação para 10% anuais.

O PNE estabelece 20 metas educacionais que o país deverá atingir no prazo de dez anos. A discussão no Senado já causa preocupação entre os movimentos sociais ligados à educação devido a uma emenda, apresentada pelo relator do projeto na Comissão de Assuntos Econômicos (CAE), José Pimentel (PT-CE), à meta 20. O relatório de Pimentel diz que a finalidade da emenda é que a parcela de 10% do PIB compreenda o conceito de “investimento público total em educação”, sem a referência ou condição adicional de que seja aplicado apenas no ensino público – definido como “investimento público direto”.

Entidades como a Confederação Nacional dos Trabalhadores em Estabelecimentos de Ensino (Contee), que divulgou nota pública com críticas à mudança na proposta, e a Campanha Nacional pelo Direito à Educação reclamam que, se acatada, a mudança abre caminho para a aplicação de dinheiro público no setor privado de ensino.

“A ideia do governo é retirar essa menção à educação pública deixando só educação e podendo dividir a distribuição desse recurso também com o setor privado. Esse é o recuo mais forte que identificamos. Não vamos permitir que isso aconteça e vamos tentar fazer com que alguns senadores se convençam do equívoco”, diz o coordenador da Campanha Nacional pelo Direito à Educação, Daniel Cara.

O senador José Pimentel diz que apresentou a emenda porque a redação, tal como veio da Câmara, impedia a continuidade do Programa Universidades para Todos (Prouni) que concede bolsas de estudos a alunos carentes em instituições privadas de educação superior.

“Com a redação que veio da Câmara teríamos que cancelar o Prouni, um programa que tem mais de 1 milhão de alunos de famílias pobres em universidades particulares. Como sou defensor do Prouni, construí uma redação para que ele continue”, disse Pimentel.

 Em nota, a Contee critica também a emenda que propõe a retirada do patamar intermediário de 7% do investimento do PIB em educação a ser alcançado no prazo de cinco anos. “A emenda exclui o patamar de 7% do investimento do PIB nacional em educação em um prazo de cinco anos, deixando o percentual de 10% do PIB, ao final do decênio, como único referencial de ampliação de investimento, o que elimina a possibilidade de ampliação do investimento de forma mais imediata”, diz o texto.

Na Câmara, o PNE tramitou por mais de um ano e meio e recebeu cerca de 2,9 mil emendas. A preocupação do governo agora é acelerar a passagem do texto no Senado. O ministro da Educação, Aloizio Mercadante, tem feito reiteradas declarações pedindo aos senadores agilidade na aprovação do PNE, que deveria ter sido implementado em 2011.

A expectativa de Daniel Cara, da Campanha Nacional pelo Direito à Educação, é que a discussão no Senado seja um pouco mais ágil. “Os senadores acompanharam a tramitação do PNE, os desafios do plano, as polêmicas. A tendência é que decidam deliberar de forma mais rápida. Acho que teremos o plano aprovado em um prazo de seis a nove meses”, disse.

O exame do plano pela CAE será retomado apenas em 2013 e o texto irá passar por mais duas comissões do Senado e pelo plenário. Depois, deve retornar à Câmara para exame de alterações que provavelmente serão feitas no texto pelos senadores. O último passo é a sanção presidencial.

A ampliação do percentual de investimento do PIB na educação, que ocorreu na Câmara, é uma das maiores conquistas alcançadas até agora no PNE, na avaliação de organizações da sociedade civil. O projeto inicial do governo previa passar dos atuais 5,3% do PIB para 7% no prazo de dez anos. Após intensas negociações, o governo admitiu elevar o percentual para 8%. Com a mobilização dos movimentos sociais, foi aprovado o investimento de 10% do PIB, mesmo contrariando a intenção do governo.

O governo diz que o Congresso deve indicar a fonte de recurso para cumprir esse percentual e indica como principal alternativa para financiar a área os royalties do petróleo. Essa destinação, no entanto, depende de aprovação do Congresso Nacional.

O PNE estabelece 20 metas educacionais que o país deverá atingir no prazo de dez anos. O plano prevê, por exemplo, aumento no investimento em educação pública, ampliação das vagas em creches, erradicação do analfabetismo e a oferta do ensino em tempo integral em pelo menos 50% das escolas públicas.

Saldo comercial do país deve virar o ano abaixo do de 2011, estimam especialistas

Por: Mariana Branco e Stenio Ribeiro. Fonte: Agência Brasil. Fotos: aeb.org.br e logismarket.pt
Serrinha, BA (da redação itinerante do Blog MUSIBOL)


O ano de 2012 foi difícil para a balança comercial brasileira. A crise internacional e a desvalorização do câmbio afetaram as exportações e a estimativa do mercado e da Fundação Getulio Vargas (FGV) é de que o saldo comercial virará o ano em US$ 18,2 bilhões, número 38,9% inferior ao superávit de US$ 29,79 bilhões registrado em 2011.

As expectativas para 2013 não são de recuperação, apesar de medidas governamentais destinadas a aumentar a competitividade da indústria como a redução das tarifas de energia e a desoneração da folha de pagamento. A avaliação de economistas e entidades que representam empresários é que se a economia mundial não reagir, será difícil incrementar o superávit mesmo que o Brasil cresça. Eles destacam também a necessidade de tornar os produtos nacionais mais competitivos.

Tanto a economista e pesquisadora da FGV Lia Valls quanto a Associação de Comércio Exterior do Brasil (AEB), entidade que representa exportadores, estimam superávit comercial de US$ 18 bilhões para o ano de 2012. A AEB também divulgou comunicado fixando em US$ 14,6 bilhões a projeção de superávit comercial para o próximo ano, 20% inferior à de 2012.

Lia Valls acredita em um 2013 com superávit inferior ao já modesto registrado em 2012. "O mundo não terá melhorado muito E, supondo que tenha crescimento maior na economia brasileira, haveria aumento das importações sem um cenário mais favorável para exportações."

 Para Fábio Faria, vice-presidente executivo da AEB, as medidas para reduzir o custo de produção anunciadas pelo governo precisam ser aprofundadas de modo que o Brasil possa fazer face à concorrência dos produtos importados. "A concorrência faz com que às vezes valha mais a pena importar do que produzir internamente. O país continua com custo de produção muito elevado", comenta. Na visão dele, apesar dos problemas trazidos pela crise, "o ano de 2012 termina com um resultado melhor do que o esperado em termos de saldo [da balança comercial]".

A senadora Kátia Abreu, presidente da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), também ataca o custo de produção brasileiro como entrave à maior competitividade das exportações. Segundo ela, os entraves ao comércio externo foram estimulados pela cotação barata do dólar na maior parte do ano e pelo "custo Brasil" que dificulta um preço atrativo dos produtos nacionais lá fora. A senadora diz que a queda do saldo comercial do país neste ano, comparada ao ano anterior, só não será maior porque o agronegócio foi o destaque da economia brasileira, com crescimento estimado em 12,3% sobre o faturamento obtido em relação ao mesmo período de 2011.

A tríade crise, dólar e concorrência dos produtos importados não é a única apontada como responsável pelas dificuldades da balança em 2012. As relações do Brasil com alguns mercados específicos também influenciaram o saldo comercial. José Augusto de Castro, presidente da AEB, destaca que o setor teve “prejuízo adicional com as incertezas sopradas da Argentina”. Segundo ele, nos últimos dois anos, os exportadores brasileiros têm tido surpresas com as determinações de política econômica do país vizinho, com fechamento aduaneiro para alguns produtos sem qualquer aviso prévio.

A economista Lia Valls destaca que o comércio com a Argentina teve queda expressiva em 2012, mas as exportações brasileiras encolheram de forma geral. De janeiro a novembro de 2012, as exportações para a Argentina recuaram 20%. Levando-se em conta o Mercosul como um todo o recuo foi 14%. As vendas externas para a Ásia tiveram decréscimo de 2,3% no período, sendo que houve recuo de 5% no volume exportado para a China. As exportações para a União Europeia, por fim, caíram 6,7%. A única exceção no cenário adverso foram os Estados Unidos, já que as vendas para esse parceiro comercial subiram 6,6% até novembro. De acordo com a economista, o motivo foram as compras norte-americanas de óleos brutos de petróleo e de avião.

Retrospectiva: Recanto, o primeiro Campeão Rural de Serrinha

Por: Jorge Luiz da Silva


Em 20 de dezembro de 1992, após a realização do Torneio Início Rural no domingo anterior, foi dada a largada do I Campeonato Rural de Serrinha, organizado pela Assessoria Esportiva Serrinhense, com a participação de seis equipes.

Licurituba, Mombaça, Montanhas, Porteira, Recanto e Três Estradas.

Foram realizados 33 jogos até se conhecer o campeão, representante da comunidade esportiva do Recanto, que venceu 7 partidas, empatou 3 e perdeu 3.

A competição foi realizada em dois turnos.

O Recanto conquistou o primeiro no confronto com a Mombaça.
Sendo vice do segundo turno perdendo para a equipe das Três Estradas.

No duelo final jogou pelo empate para levar o primeiro troféu para a sua galeria.

Três Estradas 1x1 Recanto
Gols: Cecé (Tres Estradas) e China (Recanto)
Árbitro: Antonio Alves Moreira. Assistentes: Valdete Leite de Jesus e Antonio Batista de Almeida.

Três Estradas : MÊA, ZÉ PRETO, DAL, GENILSON, CHORÃO, BAGAÇO, TONHO EMÍDIO, GILSON, NEL, CECÉ, GOBÍ, VALDIR, VAL, MALHADO, HAMILTON, IVO, LAU, HOMINHO, VANDINHO E CAL.

Recanto: TATUÍ, COBRA CHOCA, TONHO, DEL, DÓ, GIL, CHUPIM, CHINA, EDINHO, TALTA, NENEN, ZÉ DE BIDA, BETINHO, MARCELO, TEIÚ, CLÁUDIO, TIÔ, TONHO, DANDINHO / TOPÓ e DAL

Classificação Final
Campeão: RECANTO, 17 pontos ganhos em 13 jogos
Vice-campeão: TRES ESTRADAS, 12 pontos ganhos em 12
3º- MOMBAÇA 12 pontos ganhos em 11 jogos
4º: MONTANHAS, 10 pontos ganhos em 10 jogos
5º: LICURITUBA, 9 em 10 jogos
6º: PORTEIRA, 6 pontos em 10 jogos
Obs. Uma vitória valia 2 pontos.

Principais Artilheiros:
MARCELO e NENEN (RECANTO), 8 gols
GILSON (TRES ESTRADAS),  7    
RAMOS (LICURITUBA), 5
JAU (MONTANHAS), 5

Goleiro Menos Vazado:
BETO (MOMBAÇA) 7 gols sofridos

Árbitros que atuaram no I Campeonato Rural
VALDETE LEITE DE JESUS 8 atuações
ANTONIO ALVES MOREIRA, 6
JOSÉ FERRAZ LIMA, 5
JOSÉ GILBERTO DO CARMO DE JESUS, 3
GESSÉ ARAÚJO DE OLIVEIRA, 3
GIVALDO PEREIRA DOS SANTOS, 3
JOSÉ GUILHERME DE ANDRADE, 2
SAMUEL ALVES DA ANUNCIAÇÃO, 1
ANTONIO BATISTA DE ALMEIDA, 1
JOSÉ VÁLTER DE ALMEIDA, 1

Tabela dos Jogos:
Equipe A
Placar
Equipe B
Árbitro Central:
Data
Licurituba
1
X
1
Tres Estradas
José Guilherme de Andrade
20/12/1992
Mombaça
1
X
0
Montanhas
José Gilberto do Carmo de Jesus
20/12/1992
Recanto
3
X
0
Porteira
José Ferraz Lima
20/12/1992
Porteira
0
X
2
Licurituba
José Guilherme de Andrade
27/12/1992
Tres Estradas
0
X
2
Mombaça
José Gilberto do Carmo de Jesus
27/12/1992
Montanhas
1
X
3
Recanto
Samuel Alves da Anunciação
27/12/1992
Licurituba
1
X
2
Recanto
José Ferraz Lima
03/01/1993
Tres Estradas
2
X
2
Montanhas
José Gilberto do Carmo de Jesus
03/01/1993
Mombaça
3
X
1
Porteira
Gessé Araújo De Oliveira
03/01/1993
Montanhas
3
X
1
Licurituba
Gessé Araújo De Oliveira
10/01/1993
Porteira
1
X
1
Tres Estradas
José Ferraz Lima
10/01/1993
Recanto
0
X
0
Mombaça
Antonio Batista De Almeida
10/01/1993
Licurituba
2
X
0
Mombaça
Gessé Araújo De Oliveira
17/01/1993
Tres Estradas
1
X
1
Recanto
José Ferraz Lima
17/01/1993
Montanhas
2
X
1
Porteira
Valdete Leite De Jesus
17/01/1993
Recanto
3
X
2
Mombaça
Valdete Leite De Jesus
24/01/1993
Tres Estradas
0
X
0
Licurituba
Valdete Leite De Jesus
31/01/1993
Montanhas
2
X
2
Mombaça
Givaldo Pereira Dos Santos
31/01/1993
Porteira
2
X
0
Recanto
Antonio Alves Moreira
31/01/1993
Licurituba
3
X
3
Porteira
Givaldo Pereira Dos Santos
07/02/1993
Mombaça
1
X
2
Tres Estradas
Antonio Alves Moreira
07/02/1993
Recanto
1
X
0
Montanhas
Valdete Leite De Jesus
07/02/1993
Recanto
5
X
3
Licurituba
Antonio Alves Moreira
14/02/1993
Montanhas
2
X
1
Tres Estradas
Valdete Leite De Jesus
14/02/1993
Porteira
2
X
0
Mombaça
José Válter De Almeida
14/02/1993
Licurituba
1
X
0
Montanhas
Valdete Leite De Jesus
21/02/1993
Tres Estradas
3
X
0
Porteira
Antonio Alves Moreira
21/02/1993
Mombaça
2
X
1
Recanto
Givaldo Pereira Dos Santos
21/02/1993
Mombaça
1
X
0
Licurituba
Antonio Alves Moreira
07/03/1993
Recanto
3
X
2
Tres Estradas
Valdete Leite De Jesus
07/03/1993
Porteira
1
X
2
Montanhas
José Ferraz Lima
07/03/1993
Recanto
0
X
2
Tres Estradas
Valdete Leite De Jesus
14/03/1993
Tres Estradas
1
X
1
Recanto
Antonio Alves Moreira
21/03/1993
54
 +
38
92 GOLS
*
* 

JOLUSI FM

JOLUSI FM
A rádio web que toca os sucessos de sempre.

JOLUSI FM

MAPA DE ACESSOS

ON LINE

TYNT

Total de Visitas

SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS

SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS
DE SERRINHA PARA O MUNDO